Homem é preso por atear fogo na esposa grávida e na filha de 1 ano em MS

Mulher de 27 anos teve 40% do corpo queimado com tíner no final da tarde desta quarta-feira (12) no bairro São Conrado, região oeste de Campo Grande. A vítima foi socorrida e encaminhada em estado grave para a Santa Casa. O principal suspeito de atear fogo é o marido, de 34 anos.

A filha do casal de 1 ano 3 meses também foi atingida. O homem foi preso depois de confessar para o Corpo de Bombeiros que ateou fogo nas duas de forma proposital. Inicialmente havia dito que elas foram vítimas de uma explosão de bife na chapa, porém confessou o crime. Ele será encaminhado para a Casa da Mulher Brasileira.

A mulher relatou que estava em casa com o marido quando se desentendeu com o marido e foi para o quarto amamentar a filha. Foi neste momento que o homem entrou no cômodo com tíner e isqueiro. O quarto ficou completamente destruído.

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado para socorrer as duas vítimas. O pai da vítima contou que o casal está junto há sete anos e nunca ouviu relatos de agressão. Segundo o pai da mulher, a criança teve queimaduras nos pés e também foi levada para a Santa Casa. O casal tem outro filho, de 3 anos (Confira abaixo o momento que a vítima foi socorrida).

Na Santa Casa, a mulher encaminhada para a ala vermelha, para onde são encaminhados os pacientes considerados mais graves. A vítima está consciente e os médicos avaliam a gravidade dos ferimentos para solicitar  cirurgia plástica.

Moradores registraram momento de socorro no São Conrado, confira:

 

*Gabriel Neris, Liniker Ribeiro e Anahi Gurgel – Campo Grande News

Comentários estão fechados.