Homenagem a Vereadora Shirley: De menina à mulher: uma história sobre o servir

Vamos contar uma história. Uma linda e inspiradora história. Nesta, a marca das letras será a força e o servir. Para isto, não vamos nos apegar a datas. Vamos começar assim…

Há 52 anos, em Rubinéia, uma cidadezinha do interior de São Paulo, nascia uma menininha de família humilde e batalhadora, que trouxe consigo um legado de sensibilidade e amor ao próximo. Filha de Sr. Clarindo e Dona Maria, aquela menininha cresceu, aprendendo desde a mais tenra idade a ser pelo outro. A servir.

Alguns anos após seu nascimento, a família mudou-se para Santa Fé – SP. Sua infância foi marcada pelo amor e cumplicidade fraternos e dividida com seus irmãos Mario Donizete e Daiane Marcela.

Anos mais tarde, veio a decisão no coração daquela menininha, agora jovem, de formar sua família. Foi então que casou-se com seu esposo Gilmar Teodoro, e com ele, dividiu sonhos, conquistas, lutas, aflições, experiências… sorrisos e lágrimas. Desta união, nasceram Peterson e Keryt Letycia.

A família chegou à Alcinópolis, interior de Mato Grosso do Sul, em 1985, quando Gilmar decidiu conhecer o local, e tentar melhorias de vida para sua família, provendo sustento e amparo. Quarenta dias após sua vinda, Gilmar estabeleceu-se, e só então, trouxe consigo sua esposa e filho.

A vida acontecia. E nestes inúmeros acontecimentos, nossa menininha (mulher feita) sentiu forte a necessidade de cumprir seu legado e missão: Foi quando em 2001, elegeu-se vereadora pela primeira vez, com uma quantidade de votos expressiva, e dedicou-se, especialmente, às áreas de Assistência e Esporte. Em 2003, uma realização pessoal: formou-se pedagoga, pelas Faculdades Integradas de Cassiândia – MS.

Tamanha foi sua aceitação pela população alcinopolense que, em 2005, elegeu-se pela segunda vez, com 124 votos. E, durante o biênio 2005-2006, foi presidente da Câmara Municipal de Alcinópolis, tornando-se a primeira mulher presidente no legislativo municipal. Durante sua caminhada, foi presenteada com a chegada de seus netos, Emanuelly e Thiago, ambos filhos de seu primogênito, Peterson. Com a chegada deles, sua vida ganhou um novo colorido.

E, assim, nossa garotinha seguiu. Pela terceira vez, elegeu-se porta-voz do povo alcinopolense, integrando o time de vereadores em 2017, legislando até 01 de dezembro de 2018.

Sirlei Rulli, nossa menininha do coração compassivo, agigantado pela beleza do servir, viveu seus 52 anos de forma intensa, bonita. Acometida por um câncer contra o qual lutou por 3 anos, cumpriu seu legado, deixando de exemplo para as gerações futuras, uma história de força, perseverança, fé e amor ao próximo.

Camara Municipal de Alcinópolis

Comentários estão fechados.