Na posse de Tereza e Mandetta, Rosalin pede equipamentos para Abatedouro e mais investimentos na UBS

(Brasília-DF) – O Prefeito de Figueirão, Rogério Rosalin, foi uma das autoridades sul mato-grossenses que esteve em Brasília prestigiando a posse da produtora Tereza Cristina Correa da Costa, no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, e do médico Henrique Mandetta no Ministério da Saúde.

Posse de Tereza Cristina

Produtora rural de Mato Grosso do Sul, ex-secretária de Estado, Deputada Federal eleita com expressiva votação, Tereza conhece a realidade dos 79 municípios e como fez questão de observar o Prefeito Rogério, conhece de perto as demandas de Figueirão.

“É uma honra podermos ser representados neste novo Governo pela Tereza. Pessoa do nosso convívio, com quem já realizamos ações importantes, pessoa sensível as demandas da nossa gente e com olhar diferenciado para o pequeno produtor”.

Rogério acredita que a nova Ministra comandará o MAPA com mãos de ferro. “Temos como certo o fortalecimento do setor produtivo pois, estão entre suas principais missões oferecer segurança jurídica para quem produz e gera riquezas para o País e mais ainda cuidar com especial atenção do agricultor familiar. ”

Durante seu pronunciamento, Tereza afirmou que a agricultura familiar terá integral apoio das áreas de inovação, pesquisa, assistência técnica e extensão, destacando a urgente necessidade de realizar as titulações de terras. “O cenário atual implica em absoluta insegurança jurídica e impede acesso aos recursos de crédito, inviabilizando a produção e determinando subordinação aos programas sociais”. Explicou.

Sobre a pesca e aquicultura, a ministra lembrou que o país tem cerca de 8.000 km de costa marítima e cerca de 12% de toda água doce do planeta e que “teremos obrigação de aplicar todo este potencial em favor da produção de alimentos gerando emprego e renda”.

Novos secretários

Tereza Cristina deu posse nas secretarias de Política Agrícola ao servidor do Mapa, Eduardo Sampaio Marques; de Defesa Sanitária, José Guilherme Tollstadius Leal, de Aquicultura e Pesca, Jorge Seif Júnior; de Agricultura Familiar e Cooperativismo, Fernando Henrique Kohlmann Schwanke; de Comércio e Relações Internacionais do Agronegócio, o embaixador Orlando Leite Ribeiro e: Secretaria Especial de Assuntos Fundiários, Nabhan Garcia.

Estrutura básica do novo Ministério:

  • Conselho Nacional de Política Agrícola;
  • Conselho Deliberativo da Política do Café;
  • Comissão Especial de Recursos;
  • Comissão-Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira;
  • Conselho Nacional de Aquicultura e Pesca;
  • Serviço Florestal Brasileiro;
  • Secretaria Especial de Assuntos Fundiários;
  • Instituto Nacional de Meteorologia;
  • Conselho Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável; e
  • 6 Secretarias (Política Agrícola, Defesa Sanitária, Comércio e Relações Internacionais, Pesca e Aquicultura, Agricultura Familiar e Cooperativismo e Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação)

Órgãos vinculados:

  • Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária – INCRA;
  • Centrais de Abastecimento de Minas Gerais S.A. – Ceasa/MG;
  • Companhia de Armazéns e Silos do Estado de Minas Gerais S.A. – Casemg;
  • Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo – Ceagesp;
  • Companhia Nacional de Abastecimento – Conab; e
  • Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa;

 

Posse de Henrique Mandetta

Médico ortopedista, especialista em gestão de serviços e sistema de saúde, ex-Secretário de Saúde de Campo Grande e Deputado Federal desde 2011, Henrique Mandetta, esteve em 2013 no município de Figueirão, acompanhado do então Senador Ronaldo Caiado, hoje Governador de Goiás e do Deputado Federal Abelardo Lupion, nomeado no Governo Bolsonaro como sub chefe da Casa Civil, onde conheceu o Hospital da cidade, no dia em que participou de atos de inauguração de obras e relato de balanço de ações da Prefeitura em meio a comemoração do aniversário da cidade.

divulgação

 

Durante a cerimônia de posse, ao sinalizar como prioridades de sua gestão a promoção da saúde e prevenção de doenças com o fortalecimento da Atenção Básica, reforço das taxas vacinais e informatização de toda a rede, Mandetta levou esperanças aos gestores que, assim como o Prefeito Rogério tem nestes temas a base para a melhoria da qualidade do atendimento em seu município.

“Quem não tem informação, não gere. Gerir é medir, é métrica, é ter a paciência de diariamente ir atrás dos resultados. Precisamos de sistemas fortes e com capilaridade. Um desafio ao Datasus é de que saiamos da zona de conforto do ‘isso não dá’ e passemos para ‘isso é o que é necessário para o nosso país’”. Enfatizou Mandetta.

A criação da Secretaria Nacional de Atenção Básica e a convocação dos agentes comunitários de saúde (ACS) e os agentes de combate as endemias (ACE) para trabalharem juntos, veio de encontro a solicitação feita pelo Prefeito Rogério que busca o fortalecimento das ações de promoção da saúde e prevenção de doenças em Figueirão. “O Ministro Mandetta foi muito feliz em sua fala. Ele afirmou que se o gasto com a saúde é um investimento tem que dar retorno e esse retorno deve ser medido através do resultado das ações que realizamos”.

Para Rogério, a informatização e gestão integrada dessas informações resultará em maior eficiência dos serviços oferecidos e melhor aproveitamento dos recursos disponíveis para esse setor que é tão sensível. “O Mandetta conhece bem a demandas do Figueirão. Quando ele afirma que a Atenção Básica será o norte do sistema de saúde e seu compromisso com Atenção Básica será integral, sentimos uma grande sintonia com nossas demandas”. Completou, destacando na fala do novo Ministro a implantação do terceiro turno de saúde na Atenção Básica, e a integração da educação física para o combate ao sedentarismo, à obesidade e à hipertensão.

“Fiz questão de participar da posse dos Ministros de Mato Grosso do Sul. São pessoas do nosso convívio, que receberam nossos pedidos com carinho e com os quais temos certeza continuaremos mantendo estreitos laços na busca por dias melhores para a população de Figueirão”. Finalizou o Prefeito Rogério.

 

Assessoria

Comentários estão fechados.